quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

DOENÇA MENTAL OU MORAL?


DOENÇA MENTAL OU MORAL?
Percival Puggina

Cena 1 - O sujeito olha para a situação da Venezuela - desabastecimento, inflação a mais de 50%, jornais e emissoras sendo fechadas, prisão de opositores - e sai acusando a direita pelos males do país. 

Cena 2 - O sujeito se defronta com as patifarias de Lula, suas inconsistências e contradições, suas mentiras e seus tumulares silêncios sobre o que não lhe convém - e sai dizendo que o Lula "não é santo". Ora, entre não ser santo e ser um refinado canalha vai uma distância enorme que a psicopatia não permite ver.

Cena 3 - A economia brasileira vai mal. O prestígio do país desinfla e cai como um balão de gás furado. E a Executiva Nacional do PT, em 21 de janeiro, divulga nota oficial onde se destaca o seguinte trecho: "Na conjuntura atual, é preciso vencer a batalha de visão sobre os rumos da economia, que, na verdade, expressa uma batalha de interesses. Aqueles que antes ganhavam com a especulação, com o arrocho salarial, com o desemprego, com a privatização do Estado, atacam o núcleo de nossa política, que visa a distribuir renda, gerar empregos, para promover justiça social e sustentar o crescimento do País. Nesse sentido, o PT orienta sua militância a participar ativamente das lutas sociais por reformas estruturais e ampliação dos direitos dos trabalhadores no próximo período, a exemplo do plebiscito popular pela Constituinte Exclusiva para a reforma política, da coleta de assinaturas para a Lei da Mídia Democrática, da redução da jornada de trabalho sem redução de salários, do fim do fator previdenciário e contra as terceirizações."

Vejam que o partido parece estar falando de outra realidade, de outro país e de outro governo. Isso é doença mental ou moral?

Percival Puggina

Cena 1 - O sujeito olha para a situação da Venezuela - desabastecimento, inflação a mais de 50%, jornais e emissoras sendo fechadas, prisão de opositores - e sai acusando a direita pelos males do país.

Cena 2 - O sujeito se defronta com as patifarias de Lula, suas inconsistências e contradições, suas mentiras e seus tumulares silêncios sobre o que não lhe convém - e sai dizendo que o Lula "não é santo". Ora, entre não ser santo e ser um refinado canalha vai uma distância enorme que a psicopatia não permite ver.

Cena 3 - A economia brasileira vai mal. O prestígio do país desinfla e cai como um balão de gás furado. E a Executiva Nacional do PT, em 21 de janeiro, divulga nota oficial onde se destaca o seguinte trecho: "Na conjuntura atual, é preciso vencer a batalha de visão sobre os rumos da economia, que, na verdade, expressa uma batalha de interesses. Aqueles que antes ganhavam com a especulação, com o arrocho salarial, com o desemprego, com a privatização do Estado, atacam o núcleo de nossa política, que visa a distribuir renda, gerar empregos, para promover justiça social e sustentar o crescimento do País. Nesse sentido, o PT orienta sua militância a participar ativamente das lutas sociais por reformas estruturais e ampliação dos direitos dos trabalhadores no próximo período, a exemplo do plebiscito popular pela Constituinte Exclusiva para a reforma política, da coleta de assinaturas para a Lei da Mídia Democrática, da redução da jornada de trabalho sem redução de salários, do fim do fator previdenciário e contra as terceirizações."

Vejam que o partido parece estar falando de outra realidade, de outro país e de outro governo. Isso é doença mental ou moral?

0 comentários :