quarta-feira, 24 de agosto de 2016

PSC e Feliciano traíram a Direita


A direita foi traída por um partido que vinha ganhando a confiança principalmente dos conservadores por suas pautas pró-família, pró-cristã e pró-liberdade econômica. Nesta segunda feira foi aprovada na Câmara dos Deputados a prorrogação do programa Mais Médicos, o qual traz “médicos” cubanos – nem sabemos se são médicos mesmo – para trabalharem como escravos, sustentando a ditadura comunista dos Castros e isto foi feito graças a ajuda do Partido Social Cristão (PSC).

O PSC e Marco Feliciano, até então, vinham a ganhar apoio e simpatizantes no meio da direita, especialmente dos conservadores, por causa da entrada do deputado Jair Bolsonaro partido que lhe fez pré-candidato à presidência da República. Mas o partido negociou com a oposição seus votos para aprovar a prorrogação do Mais Médicos, dando então um belo tiro no pé, pois a direita enfurecida foi até a página do partido no Facebook e deixou diversas mensagens de repúdio. Até o Deputado Marco Feliciano, autoproclamado conservador e defendido pela direita no caso Patrícia Lélis, votou a favor do projeto – apenas os Bolsonaros não – e sofreu tanto com mensagens de repúdio que até deletou sua postagem na qual comemorava a prorrogação do vil programa.

Mais uma vez a direita brasileira foi feita de idiota. Entre nossos conservadores está cheio de meninos bobinhos, que fantasiam uma utopia conservadora e acreditam no primeiro partido que lhes promete isto. Sem tomar o PSC, acreditaram mesmo que ele seria de direita somente por ter Bolsonaros nele? Bolsonaros sozinhos não fazem verão! É preciso tomar o partido para que se possa chamá-lo de “de direita”; é preciso também investir mais na guerra cultural, tomar ou criar jornais locais conservadores, por exemplo.

Às vezes as pessoas pensam que Bolsonaro é milagreiro – ou messias – de verdade. Parem com esta estupidez, por causa disto a direita tomou mais um tapa na cara e agora precisa aprender com o erro e ser mais desconfiada. Com Jair Bolsonaro era de se esperar que aparecessem oportunistas, então vamos peneirar quem acolhemos e confiamos por aliados. 

0 comentários :